domingo, 2 de outubro de 2016

TRANSEI COM O TECNICO DE SEGURANÇA APÓS REUNIÃO COM OS MOTORISTAS DE ÔNIBUS



Olá! Tudo bem... Vamos a mais um conto, mais uma vez aviso que eles são sempre verídicos, vividos por mim ou por amigos que me fofocam e eu conto tudo. Como sempre digo, sou macho na rua e puta na cama...

Bom, esse cara já conheço a algum tempo, ele é Segurança do trabalho, 30 anos, casado, 170m e uns 75kg. Ele é casado, o conheci quando fui convidado para um encontro de motoristas e cobradores de ônibus de Olinda e Recife. Durante as palestra sempre tem o cafésinho e não teve como não reparar para aquele macho, bem vestido, pacotão na calça jeans, macho, moreno claro e forte, mas não de academia, tinha o corpo másculo mesmo. Eu dei umas três olhadinhas para ele, mas sem paquerar, observando mesmo, até que ele na ultima vez olhou pra mim e me viu olhando. Desviei o olha na mesma hora mas foi tarde. Fiquei ali, longe e não olhei mais. Na próxima palestra eu sai pois estava chata e como eu não podia ir embora, pois meu chefe precisava de uma pessoa participando até o final eu fiquei. Quando de repente eu estava na anti-sala, local do cafésinho e quando olha quem vem saindo, o moreno gostoso. Ele estava falando no celular, eu eu fiquei ali no cantinho, até que ele desligou o telefone e se aproximou de mim e disse:

_E ai, que palestra fulera... sai, aguentei não o muido!
_Também cara, muito chato e eu to aqui só pra agradar meu patrão, ele quer que eu participe!

Ficamos ali conversando, juro que não estava mais olhando para lugar nenhum, nem paquerando até que ele disse:

_Cara, eu queria mesmo era tá tomando uma cervejinha gelada e comendo um cusinho!

Gente, aquilo doeu na espinha e eu completei:

_Cara, eu também, isso aqui tá muito chato, mas eu tenho que levar o certificado para meu chefe, se não eu ia também...
_Também o que? Tomar cervejinha e comer cu? Ai num ia dar certo, ou alguém come ou alguém dá...

Caímos na risada, levei pelo lado de que foi uma brincadeira, aquele macho não tinha cara de que curtia putaria com homem. Até que ele disse:

_Cara, tu quer o certificado? Só Isso?
_Só, na verdade meu chefe é quem quer?
_Cara, sou amigos dos caras do sindicato que estão organizando o evento, perai que eu resolvo, me dá teu nome completo.

Escrevi tudo direitinho num papel e em 10 minutos o cara voltou com o certificado, eu agradeci e disse a ele que iria embora na mesma hora, então ele disse:

_E ai, eu pensei que agora era a hora da cervejinha?
_Sério?
_Eu pensei que era brincadeira sua, que estava só me ajudando a ir embora. Então que horas você pode?
_Agora mesmo! Vamos, meu carro tá lá fora!




Nessa hora meu coração disparou, é (pois agora somos amigos) um macho sensacional, eu estava indo tomar uma cervejinha com ele e pensando também na brincadeirinha que ele falou. Fomos para Olinda, para um barzinho na Praça do Carmo. Ele pediu uma cerveja e sentamos, continuamos a conversa que já vinha do carro, sem nenhuma maldade, coisas de homens estressados... No meio da conversa ele disse:

_Cara, não era brincadeira, hoje eu queria mesmo era comer um cusinho. To muito estressado e faz muito tempo que não como, vi você me olhando lá na palestra. Acho que você gosta!
_Que nada cara, eu tava olhando para tudo, e vi que quando olhei pra você, você também me olhou!
_Pôh! Cara, eu vi que tu tava olhando para meu pacote, tem bronca não. Tá bom aqui a coisa!
_Tá cara, tá bom, mas não curto!
_Mas nunca teve vontade de curtir?
_Já sim, mas tenho medo, sou casado!
_Cara, sou casado também, como você tá vendo, sou macho, não nos conhecemos, nem temos amigos em comum. Bora fuder?
_Cara, vamos pra onde?
_Motel, bora?
_Cara, complicado!

Dei uma de que era muito macho para o cara não perceber que eu já estava entregue a situação e completei:

_Cara, guardando segredo absoluto, vamos lá!
_Bora!

A gente  se levantou da mesa e fomos direto de carro para o motel, meus amigos, o tesão era demais, meu pau tava quase explodindo, no caminho foi silêncio absoluto, mas quando entramos no quarto a coisa mudou completamente. O cara me agarrou, um macho, com todas as ferramentas de macho e me deu um beijo, coisa demorada, uns 5 minutos, me jogou na cama e pediu pra tomar um banho. Quando ele voltou era um verdadeiro espetaculo, vou descrever, pelado o homem era melhor que sorvete de chocolate no deserto:

_Parrudo, braços fortes e pernas grossas, pelos apenas poucos no cacete, cacete grosso mediano, sacão no meio das pernas grossas, olhos claros e o melhor macho! Senti que não podia perder aquela oportunidade, ele avançou pra cima de mim, mas era a minha vez do banho, fiz um chuca rapida e voltei, pronto pra ser puta daquele macho...

...Deitamos na cama e como ele disse que estava muito estressado ele queria carinho, queria beijos e a gente ficou naquele amasso, pica na pica, peito no peito, chupa aqui, chupa acolá. A pica dele era linda, grosso, mal cabia na minha boca e não era muito grande, sinal que eu iria dá a vontade sem sentir dor. Fizemos um 69 gostoso demais, ele chupava meu cusinho e eu seu cacete até que ele me pediu pra sentar em cima do seu pau. Eu então olhei pra aquele belo exemplar de macho deitado na cama, com o cacetão na mão, esperando meu cusinho, meti devagarinho e com muito jeitinho, sentei naquela pica e foram 5 minutos de muito prazer, estava nas nuvens, era uma pica muito gostosa e eu queria gozar a todo momento (Claro, ele estava de camisinha - Sempre) até que anunciei:

_Cara, eu vou gozar!

E não segurei, gozei muito, muito mesmo, sujou ele todo e aquilo foi um estimulo muito grande para ele, ele não segurou e gozou no meu rabo! Cai por cima dele e pra minha surpresa com todo aquela porra entre nos ele me deu um beijo e me agradeceu:

_Cara, to muito estressado, estava necessitado de um momento assim!

Continuamos nos beijando, ainda fudemos mais uma vez. Ficamos agarradinhos e falando dos nossos problemas, fiz uma massagem nele e quando saimos ele me deixou perto de casa. Os dias se passaram e hoje eu sou um amigo confidente dele, já nos encontramos mais uma vez (Conto depois) e como ele não quer acabar o casamento dele, nem eu o meu a gente fica se desestressando quando nós podemos!

Quem for da região do Recife ou de João Pessoa, pode me chamar no zap: (83)99853-4472 quem sabe não desestressamos juntos! (Obs: Não faço programa, curto sexo com macho!) - As fotos no conto são minhas!




Nenhum comentário:

Postar um comentário